Neotel e KnowBe4 selam aliança para elevar o nível de conscientização de segurança digital

Read Time2 Minutes, 16 Seconds

Segundo o relatório do The Information Security Forum (ISF), os colaboradores continuam sendo o elo mais fraco da cibersegurança de uma empresa, sendo os maiores responsáveis pela maioria dos incidentes de segurança online.

Com uma visão abrangente das questões de segurança digital que pressionam os negócios de seus clientes, a Neotel,empresa nacional focada em soluções e serviços de segurança digital,complementa seu portfólio através da aliança com a KnowBe4, dona de plataforma de treinamento, conscientização em segurança e simulação de phishing.

Segundo o relatório do The Information Security Forum (ISF), os colaboradores continuam sendo o elo mais fraco da cibersegurança de uma empresa, sendo os maiores responsáveis pela maioria dos incidentes de segurança online. Já o Relatório Global de Tendências e Ameaças de Segurança Digital de 2019 da KnowBe4 revelou que 76% das 600 empresas participantes da pesquisa disseram que a maior e mais persistente ameaça à segurança cibernética vem do “inimigo interno”, ou seja, usuários que clicam em links suspeitos e colocam as instituições suscetíveis a ataques de phishing por e-mail, ransomware, esquemas fraudulentos, entre outras estratégias de engenharia social.As soluções operam integradas para oferecer o máximo de proteção,seja no data center ou em nuvem

A KnowBe4 possui a maior plataforma de treinamento de conscientização de segurança e phishing simulado do mundo, que ajuda a gerenciar o problema contínuo da engenharia social. Esta nova aliança permite à Neotel ofertar uma solução de segurança digital fim a fim, que inclui desde soluções convencionais até as mais sofisticadas, como criptografia e anonimização. As soluções operam integradas para oferecer o máximo de proteção,seja no data center ou em nuvem.

“O foco principal da Neotel é auxiliar as empresas de todos os portes e verticais que buscam reforçar todos os aspectos da sua segurança digital, incluindo o vetor mais vulnerável que são as pessoas.Por meio do treinamento e conscientização será possível reduzir a superfície de ataque, o que evita o vazamento de dados com as consequentes penalidades já previstas em leis, como a LGPD e a GDPR”, diz José Ricardo Maia Moraes,Executivo de Desenvolvimento de Negócios da Neotel.

“A oferta integrada da Neotel permite que as empresas invistam na prevenção se antecipando aos atacantes que se utilizam maciçamente da engenharia social como principal vetor de ataque. Assim, ao mesmo tempo que reduzem a superfície de ataque, ganham tempo para se preparar para as demais disciplinas da legislação”, completa Moraes.

FONTE: INFORCHANNEL

0 0

Deixe uma resposta

Close