Proteja suas redes sociais

Read Time2 Minutes, 3 Seconds

Mais um exemplo constrangedor que demonstra por que as empresas devem possuir um cofre que gerencie as senhas das redes sociais.

O fenômeno da globalização, tema muito discutido atualmente, cresceu acompanhado com o avanço da tecnologia e da internet, logo em seguida surgiram as redes sociais que vêm se tornando cada vez mais presentes na vida dos seres humanos e consequentemente das corporações.

No Brasil as redes sociais têm um destaque ainda maior do que no restante do mundo, por exemplo, segundo uma pesquisa de 2014 da ComScore, o tempo de permanência de um brasileiro logado no Facebook é maior que o dos argentinos e mexicanos somados, outra estatística surpreendente é a de que nosso tempo conectado na rede de Mark Zuckerberg somente no mês de Fevereiro foi de 775 minutos contra apenas 346 da média mundial.

Diante deste cenário, as empresas também migraram em massa para as redes sociais com o intuito de se comunicar com seus clientes que ali estão.

Porém, é aí que começa o problema, nessas redes sociais as empresas falam diretamente com milhares de clientes e possíveis clientes, qualquer falha é extremamente crítica para a imagem da instituição e pode causar imenso constrangimento.

Um caso recente de constrangimento através das mídias sociais, no caso o Twitter, ocorreu na empresa Chrysler, na qual, um funcionário que tinha acesso ao twitter da empresa, postou uma mensagem com palavrões xingando motoristas de Detroit.

O funcionário tentou justificar o erro dizendo que estava atrasado para uma reunião e estava no meio de um congestionamento, portanto postou por engano na pagina da Chrysler achando que estava em sua própria conta. Os cidadãos da cidade de Detroit não gostaram nem um pouco dessa publicação e a Chrysler teve que pedir desculpa para eles. O funcionário foi demitido.

O cofre senhasegura foi desenvolvido para guardar suas senhas mais sensíveis e com isso evitar situações constrangedoras como essa sanando as demandas das empresas por proteção das credenciais impessoais e pessoais de alto privilégio.

Pensando nisso, já está disponível o módulo que permite a troca periódica das senhas dos usuários das redes sociais, com a geração de senhas de alta complexidade e o rastreamento de quem está utilizando essas plataformas.

Saiba mais sobre o caso Chrysler aqui.

FONTE: SenhaSegura

0 0

Deixe uma resposta

Close